Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2013

Retrospectiva 2013

Todo ano é lançado uma enxurrada de filmes, começamos o ano sendo apresentados aos indicados/vencedores do Oscar , então vemos as continuações das franquias e outros tantos  títulos inéditos.  Enfim, são tantos filmes que fica difícil citar todos e mais difícil ainda fazer uma lista, por exemplo, com os 10 melhores, até porque não me impressionei com tantos filmes assim. Depois de 'Django Livre', apenas 3 outros filmes me cativaram e ganharam um espaço na minha coleção são eles:The Bling Ring – A Gangue de Hollywood, Spring Breakers – Garotas Perigosas e Frances Ha. Escolhi os três filmes porque retratam muito bem  diferentes fases da juventude contemporânea e as questões que enfrentamos em cada uma delas. 



The Bling Ring – A Gangue de Hollywood




Sofia Coppola se baseou em um artigo intitulado "Os Suspeitos Usavam Louboutin" escrito por Nancy Jo Sales e publicado na revista Vanity Far em 2010. Nancy por sua vez se baseou na história real de jovens de classe média…

Mix Brasil

Começa hoje a 21º edição do Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, o maior festival LGBT da América Latina. Com curadoria de João Federici e André Fischer, o festival apresentará nessa que é a maior programação da sua história, cerca de 140 produções de países como Cuba, Dinamarca, Polônia, Eslovênia, Palestina entre outros. 

Além das mostras Panorama Internacional e Nacional, Competitiva de curtas-metragens e uma seleção de filmes alemães em comemoração ao ano Alemanha/ Brasil 2013, o festival oferece ao público outras atividades como teatro, dança, música, performances, literatura dramática, karaokê e intervenções culturais. No teatro destaque para as peças “O Casamento” com Renato Borghi  e “Um porto para Elisabeth Bishop” com Regina Braga.
A abertura acontecerá no Centro Cultural São Paulo (CCSP) com o filme “Interior. Leather Bar” com direção de James Franco e Travis Mathews, que é um dos homenageados do Festival. O diretor terá uma retrospectiva completa da sua carreira, c…

A Eternidade e um Dia do Festival Internacional de Cinema de Veneza

O que é um dia? E a eternidade? Um dia seria 24 horas e a eternidade todo o tempo existente? Seriam as lembranças eternas? Elas permanecem em nós quando a vida acaba? São perguntas como essas que nos faz ter o ardente desejo de se apegar a instantes e através dos acúmulos diários de lembranças formar nossa memória e tentar torna-la permanente, mesmo sabendo que o tempo é maior que nós.
O cartaz de divulgação do Festival Internacional de Cinema de Veneza que começa hoje e vai até o dia 07 de Setembro, representa uma cena do filme “A ETERNIDADE E UM DIA” do grego Theodoros Angelopoulos, que faz do tempo o protagonista e mostra toda sua grandiosidade. No filme acompanhamos Alexandre, um velho escritor que se prepara para deixar a casa onde sempre viveu e se internar voluntariamente em um hospital diante da iminência da morte. Ao arrumar seus pertences ele encontra uma carta da falecida esposa Ana, em que ela relata um dia se verão ao seu lado vivido há 30 anos. Tomado pela nostalgia, mem…

Festival de Cinema de Gramado - O nascimento do Kikito

Tudo começa em Flensburg (Alemanha) onde nasce Elisabeth Rosenfeld uma mulher que será de grande importância para o Festival de Cinema de Gramado que a partir de hoje até o dia 17 desse mês exibirá 8 longas metragem na mostra competitiva brasileira e 6 na competição latina. Além de curtas-metragem e as mostras paralelas, Mostra Festival de Mar del Plata e aMostra de Curtas -metragem do Festival Internacional del Nuevo Cine Latino Americano (Havana).
Dona Elisabeth tecendo na sede do Artesanato Gramadense.

Elisabeth vem para o Brasil em 1927 morou no Rio de Janeiro e em São Paulo e depois do casamento escolheu Porto Alegre para viver.  Em 1º de julho de 1965 ela registra a firma “E. Rosenfeld” com o nome fantasia de Artesanato Gramadense. Foi aí que seu empreendedorismo começou a mudar a história de muita gente na cidade. O Artesanato Gramadense reuniu artesãos que antes estavam espalhados, profissionalizou a população e ajudou a melhorar a renda de muitas famílias.  Pouco depois Elisab…

Gostinho de cinema

A mistura de ingredientes inusitados é o que pode fazer a receita dar certo, foi comparando o cinema a cozinha que o premiado diretor Juan Pablo Zaramella, criou a identidade visual do Anima Mundi 2013. Confira abaixo um pouco sobre o trabalho desse talentoso profissional da animação e sua trajetória de sucesso no Anima Mundi, o segundo maior festival de animação do mundo que começa hoje no Rio de Janeiro e depois chaga a São Paulo.
O argentino Juan Pablo Zaramella, nasceu em Buenos Aires em 07 de abril de 1972, como toda criança começou a desenhar cedo, aos 3 anos. Aos 8, já estudava desenho e fazia flipbooks. Formou-se no Instituto de Arte Cinematográfico de Avellaneda, como diretor de animação e em 1998 começou a trabalhar como ilustrador para o jornal Clarín. Em 2000 começou a fazer curtas-metragens de animação em parceria com a esposa. 



Sua história de sucesso no Anima Mundi começa em 2002 com o curta-metragem El Desafio a la Muerte (O Desafio à Morte, 2001) que recebeu o prêmio de…

A cueca sumiu

Quando as primeiras imagens do ator Henry Cavill, o novo interprete de Superman no set de filmagem vazaram começou o burburinho.  O novo uniforme do super-herói passou por uma reformulação e a clássica cueca vermelha desapareceu. Mas antes da cueca desaparecer ela já dava pano pra manga. Quem não se lembra da polêmica no volume peniano do ator Brandon Routh (Superman: O Retorno), que segundo os produtores teve que ser reduzido digitalmente porque poderia distrair os espectadores, mais tarde quando foram divulgadas fotos do ator usando cueca vimos que ele não é tão “super” assim. Mas antes de discutirmos porque o Superman perdeu a cueca, vamos descobrir porque ele a usava e por cima da calça. 







Nas décadas de 30 e 40 começaram a surgir os super-heróis, os artistas tinham algumas dificuldades para destacar detalhes masculinos e femininos e demostrar o poder e a força dos personagens, isso se devia as limitações técnicas da época como a qualidade do papel e a impressão que era feita em pre…

Esse tal de Rock'n Roll

Hoje é comemorado o Dia Mundial do Rock, a data é uma homenagem ao evento Live Aid de 1985, em que dois shows aconteciam simultaneamente em Londres (Inglaterra) e na Filadélfia (EUA). Mais que reunir grandes nomes da música pop e do rock, o objetivo do evento era arrecadar fundos para combater a fome na África. Embora seja chamado de Dia Mundial do Rock a data é comemorada apenas no Brasil. Isso aconteceu nos anos 1990 depois que duas rádios de São Paulo especializadas em rock começarem a divulgar a data que caiu no gosto dos ouvintes. Para comemorar o dia do Rock separei 5 filmes Rock’n Roll, mas não esperem biografias de rock stars.




Detroit – A Cidade do Rock
O que você seria capaz de fazer para ver o show de sua banda preferida? Em Detroit – A Cidade do Rock (1999), você descobre que quem é fã de verdade faz o possível e o impossível. No filme 4 adolescentes de uma escola secundária fãs declarados do Kiss tentam conseguir ingressos para o show da banda em Detroit, pegam a estrada e…

Uma combi amarela e Tic Tac sabor laranja

A palavra INDIE é uma abreviação da palavra inglesa INDEPENDENT (independente).  No caso do cinema, os filmes que recebem essa classificação são aqueles de baixo orçamento (inferior a US$ 15 milhões) que buscam recursos para produção fora dos grandes estúdios, seja através de fundações filantrópicas (como é comum nos Estados Unidos), no setor privado ou às vezes do próprio bolso (dos diretores, produtores). Mas há muito tempo que a palavra indie deixou de significar independente e passou a identificar uma contracultura que inclui lugares, comportamento, música, moda e cinema.


Os filmes indies apresentam uma narrativa mais lenta (Indomével Sonhadora (2012), Once – Apenas uma vez (2006)), referencias pop, adoráveis personagens desajustados (Submarine (2010), Se Enlouquecer Não Se Apaixone (2010),As Vantagens de ser Invisível (2012)) e trilha sonora alternativa cheia de bandas que provavelmente nunca ouvimos falar (ótima fonte para descobrir novas/velhas bandas).  Outra característica dos…

Faroeste Caboclo

Ontem fui ao cinema ver o filmeFaroeste Caboclo, quando o filme terminou e começaram a subir os créditos ninguém se levantou, todos ficaram ali para ouvir a música do Legião Urbana que dá título ao filme como que para relembrar a letra e compará-la com o que acabaram de ver.

É comum pensar que veremos na tela um vídeo clipe, o filme não passa nem perto de se parecer com um. É bem construído, mérito dos roteiristas e do diretor que diante das várias possibilidades narrativas oferecidas pela letra da música optaram por contar uma história de amor. A batalha travada entre João de Santo Cristo e Jeremias não é a única a ser explorada, a batalha entre destino x escolha, é travada intimamente pelos personagens ao longo do filme.   
O longa apresenta os principais fatos citados na música numa ordem cronológica diferente. Como por exemplo, na música Jeremias e Maria Lúcia demoram a aparecer, no filme são apresentados ao público logo no inicio. As cenas de ação são boas e convincentes, as cenas …

Vencedores Cannes 2013

Depois de 12 dias, termina hoje a 66º edição do Festival de Cannes. As polêmicas foram além das telas e dos cartazes de divulgação dos filmes. Cannes apresentou esse ano uma superprodução com direito a roubo milionário de jóias, tiros, sexo, aplausos fervorosos, vaias, lágrimas e sorrisos. Mais Cannes é Cannes e tudo termina como começou, em festa. Confira abaixo a lista dos vencedores.



Imagem do filme La vie d'Adèle deAbdellatif Kechiche,  vencedor da Palma de Ouro


Em Competição

Palma de Ouro: La vie d'Adèle - Abdellatif Kechiche
Grand Prix: Inside Llewyn Davis - Ethan Coen e Joel Coen
Melhor Diretor: Amat Escalante  para HELI
Melhor Roteiro: Jia Zhangke  para Tian Zhu Ding(A Touch Of Sin)
Melhor Ator: Bruce Dern em "Nebraska"
Melhor Atriz: Bérénice Bejo em "Le Passé"
Prêmio do Júri: Soshite Chichi Ni Naru (Like Father, Like Son) -  Hirokazu Kore-eda 



Um Certo Olhar (Un Certain Regard)

Prêmio Um Certo Olhar (Melhor Filme): L'image Manquante - Rithy Panh 
Prêmio do …